7 comportamentos fundamentais para uma liderança remota

porWitseed
Uma pesquisa recente da Microsoft apontou que 58% dos brasileiros preferem o modelo híbrido ou remoto...

Uma pesquisa recente da Microsoft apontou que 58% dos brasileiros preferem o modelo híbrido ou remoto de trabalho em 2022 e nos próximos anos. Agora, cabe aos líderes desenvolverem uma boa liderança remota para continuar integrando e engajando os seus times nessa realidade.

Por Maria Clara Ramos

A mais recente pesquisa de tendências do trabalho da Microsoft, realizada com mais de 30 mil profissionais de mais de 30 países, mostrou que as mudanças no mundo do trabalho estão longe de chegar ao fim. O relatório aponta que no mundo todo, a visão dos profissionais sobre o trabalho mudou ao longo da pandemia, e para mais da metade dos profissionais (53%), a saúde e bem-estar tornaram-se prioridades acima do trabalho. No Brasil, essa prioridade foi a maior entre os países do estudo, com 71%

Ainda de acordo com a pesquisa, 58% dos trabalhadores brasileiros querem adotar o trabalho remoto ou híbrido, tendo em vista os benefícios que o formato proporciona para o dia a dia. Afinal, ao trabalhar de forma híbrida ou totalmente remota, os colaboradores têm mais controle sobre as suas rotinas, dispondo de mais tempo para atividades de lazer, estudos, dedicação à família e outros compromissos pessoais.

Essa nova realidade híbrida está impactando diretamente os líderes, que hoje vivem um verdadeiro troca-troca de estratégias para manter seus times engajados e descobrindo juntos o que funciona ou não na liderança remota. Mas uma coisa é certa: o desafio será é ainda maior se os gestores não estiverem buscando se desenvolver para performar e orientar melhor os seus colaboradores neste novo formato.

Mas afinal, qual é o papel do líder nessa nova realidade? Liderar presencialmente e a distância tem diferença? 

Sabendo da relevância desse tema e da importância de sempre conectar nossos clientes com os desafios do mercado, a Witseed produziu um curso especial com a Denise Salvador, Líder de T&D na Vale, e autora do livro Liderança Remota – Um guia prático para superar desafios na Gestão de Equipes a distância.

Para Denise, remota ou presencialmente, os princípios da liderança são os mesmos, mas habilidades de comunicação, confiança e engajamento são diferentes e precisam ser desenvolvidas para ontem! É por isso que neste artigo, nós separamos os 7 comportamentos fundamentais da liderança nessa nova realidade e algumas dicas valiosas retiradas do nosso curso. 

Se você quer ter a oportunidade de ganhar acesso exclusivo para assistir gratuitamente ao curso de Liderança Remota, entre em contato com a nossa equipe!

7 comportamentos fundamentais para uma boa liderança remota

#1 Crie um circuito de confiança 

A confiança é a base de qualquer relação de longo prazo e nos negócios tem impacto direto na produtividade e na inovação da organização. Antes de pensar em estratégia, investimento ou tecnologia, o papel do líder se traduz em cuidar de pessoas  e desenvolver times.  Cada vez mais a confiança está se tornando um valor de negócio para as Organizações, afinal, não existe relação sustentável entre líder, liderados e equipe, a longo prazo, se ela não estiver sobre a base sólida da confiança. 

Uma verdadeira aliada nesse processo é a empatia: ser empático no local de trabalho fornece retornos significativos e concretos.  Dados do relatório Empathy Monitor mostram que a empatia no ambiente de trabalho tem impacto direto na produtividade, lealdade e engajamento dos funcionários. 

confiança produtividade e performance de times

Mas como construir isso remotamente? A nossa professora, Denise Salvador, listou algumas atitudes importantes para implementar essa iniciativa, como:

  • Permita que os membros do seu time errem para que possam acertar.
  • Seja transparente
  • Dê autonomia para que possam seguir na direção na qual você deu.
  • Demonstre interesse genuíno por cada membro da sua equipe.

A confiança é a base que estrutura as entregas e a transformação da organização e ela precisa começar na liderança. Sem autonomia é impossível construir uma relação de confiança, na nova realidade híbrida  já não cabe mais a liderança de comando e controle, pois não adianta dizer que confia se isso não transparece na hora de compartilhar uma responsabilidade. Além das dicas da Denise, nesse episódio do nosso podcast você também pode conferir algumas dicas de como construir confiança com o seu time, com Marco Tulio Zanini, sócio da Symballein Consultoria. 

Ouça agora!

#2 Comunique-se de forma diferenciada 

Peter Drucker, considerado “pai” da administração ou gestão moderna, afirmou que 60% de todos os problemas administrativos resultam de ineficiência na comunicação, mas se ele levasse esse dado para a nova realidade híbrida e, principalmente, para a dimensão remota, certamente Drucker traria um percentual bem mais alto! 

Um dos problemas mais recorrentes do trabalho remoto é a comunicação mal feita, talvez por ser uma barreira extra para os demais desafios do home office. 

Por não saber se a pessoa com quem você quer falar está de bom humor, se está gripada ou até mesmo se não está disponível, muitas  mensagens podem se tornar confusas. Além disso, outro problema decorrente do trabalho remoto que afeta a comunicação é a falta de planejamento para determinadas reuniões, e consequentemente, a falta de otimização do tempo para certas atividades. 

Liderança remota

A comunicação efetiva é um verdadeiro superpoder para o líder remoto, afinal é ele quem tem o poder de levar as informações para os membros do seu time! Essas foram algumas dicas da líder do nosso curso, Denise Salvador: 

  • Utilize diferentes canais para reforçar mensagens e ter certeza de que elas foram compreendidas por todos
  • Reflita e escolha bem os canais de comunicação 
  • Realize reuniões com as câmeras abertas 

A falha na comunicação não é uma exclusividade do home office, uma comunicação eficiente é sempre um desafio, mas utilizar as ferramentas certas é um grande passo para o sucesso. 

#3 Construa relacionamentos e integre as pessoas 

O modelo remoto afasta naturalmente funcionários e times, já que o tempo do cafezinho e das trocas naturais que aconteciam, em geral, pelo escritório, se perdem. Times remotos trabalham de maneira muito mais individual e é papel do líder redirecionar seus afazeres, delegar suas tarefas e priorizar as pessoas em sua agenda. 

Algumas dicas práticas do nosso curso de Liderança Remota para  valorizar os relacionamentos e integrar seus times, são:

  • Mantenha conversas informais dentro da pauta das reuniões
  • Deixe os seus times falarem antes de você para que possa haver integração
  • Proponha cafés/almoços virtuais com a sua equipe
  • Interagir não é engajar, é preciso que essa interação seja verdadeira, empática e de qualidade. 

Criar vínculos nessa realidade não é simples, mas existem algumas conexões capazes de transcender os desafios remotos e presenciais, a Witseed pode te ajudar a descobrir!

#4 Facilite a vivência da cultura organizacional dentro da sua empresa

Como sustentar a cultura organizacional a distância? Como aponta o MIT Sloan, a cultura é “a força holística e um tanto misteriosa que orienta as ações e interações no local de trabalho”. Ela permeia tudo o que as pessoas fazem e o líder sempre será o maior conector entre a organização e os colaboradores. Portanto, é sua responsabilidade facilitar a ligação da cultura com a rotina dos times remotos!

Quando as equipes estão conectadas com os valores e propósitos da empresa no dia a dia, podemos ver impactos de curto, médio e longo prazo, como: alta produtividade, colaboradores mais engajadosmaior colaboração entre equipes, mais inovação circulando na organização, etc.

Algumas ações para facilitar a liderança remota e a incorporação da cultura na rotina dos times são:

  • Faça a cultura estar sempre presente nas pautas das reuniões
  • Crie um banco de dados com toda a essência da sua organização (história, valores, comportamentos esperados e etc.)
  • Esteja aberto a mudanças

#5 Certifique-se de estabelecer metas e indicadores de performance adaptados ao trabalho remoto

Um erro que muitos líderes cometem é não dar direcionamentos claros aos seus colaboradores, que ficam muitas vezes perdidos em meio a novas demandas. Como ter certeza se o seu time está no caminho certo? Como saber se a performance dos colaboradores é a esperada? 

Em primeiro lugar, tenha objetivos e metas bem estabelecidas para que você possa mensurar o andamento depois, afinal, se você não tiver parâmetro e nem souber onde quer chegar, qualquer caminho servirá. 

E como tirar a sensação de que você está liderando no escuro? A líder do nosso curso de Liderança Remota, Denise Salvador, deu dicas incríveis para orientar times nesse desafios, aqui estão algumas delas:

  • Alinhe expectativas com os membros do seu time (o que espera de cada um deles, prazos, quais orientações podem seguir, etc.)
  • Anote os acordos que você fez com a sua equipe
  • Mantenha um painel de indicadores e metas sempre atualizado

#6 Pratique rotinas de avaliação e feedback junto com seu time 

É fundamental entender que o feedback nas empresas NÃO é uma avaliação subjetiva e deve estar amparado por dados e argumentos sólidos que validem o retorno que o funcionário está recebendo por seu trabalho. O feedback, sendo positivo ou negativo, é a principal forma de uma empresa reconhecer cada um de seus colaboradores, ao mesmo tempo que implementa a cultura de melhoria contínua no negócio. 

Liderança remota curso

Se a importância do feedback já é comprovada no trabalho presencial, no modelo remoto ela é ainda maior! Por trabalhar de maneira mais isolada, muitas vezes o colaborador sente que o seu esforço, sua dedicação e suas ideias não estão sendo vistas pelo seu gestor. O seu time remoto precisa de reconhecimento, seja público (no grupo ou em uma reunião com toda a equipe), seja em reuniões um a um. 

É muito importante que essas reuniões estejam baseadas nas expectativas e acordos anteriormente direcionadas por você, líder. Se você não determinou uma direção, certamente não terá elementos para dar feedbacks. 

Como está você, líder, com relação a essas dinâmicas? Veja algumas dicas para te ajudar nesse exercício de retorno e reconhecimento :

  • Resgate o que foi acordado entre vocês inicialmente e reflita sobre o que era esperado e o que foi entregue
  • Crie rotinas de reconhecimento
  • Dê um dia de folga para quem entregou o projeto ou teve destaque na semana
  • Ofereça um almoço ou um presente, por meio do delivery

Essas e outras dicas certamente irão ajudar você a mostrar para o seu time que mesmo de longe, você está sim tendo visibilidade de tudo que está acontecendo!

#7 Foque no desenvolvimento das pessoas que fazem parte do seu time 

Por último, mas nunca menos importante, foco no desenvolvimento! Sempre falamos em nossos artigos da importância do papel do líder no incentivo ao aprendizado contínuo do seu time. A plataforma de aprendizagem não faz o trabalho sozinha e a liderança pode atuar em conjunto conectando os desafios de cada funcionário e criando um ambiente amigável ao aprendizado. 

É papel do colaborador ser protagonista do seu próprio desenvolvimento e manter-se sempre atualizado, mas isso pode ser potencializado pelo líder através de atitudes, como:

  • Atue com intencionalidade, ou seja, criando oportunidades intencionais para o aprendizado
  • Seja um exemplo, poste certificados de cursos nas redes sociais e esteja presente em eventos para aprendizagem informal
  • Compartilhe conteúdos (podcasts, vídeos, livros) com a sua equipe

Liderança Intencional é o verdadeiro mantra da Witseed com os clientes, quando o assunto é desenvolvimento, seja na liderança remota, híbrida ou presencial

Para refletir

E aí, líder, considerando todas essas dicas e diante dos seus desafios do dia a dia, o que você entende que hoje precisa ser aperfeiçoado?

Esses foram apenas alguns insights retirados do nosso curso de Liderança Remota, com a Denise Salvador, líder de T&D na Vale, e tem muito mais de onde veio! Confira abaixo o trailer do curso. 

Como engajar o seu time gerando conexões reais? trocar com especialistas, tirar dúvidas e ainda vai ganhar ACESSO EXCLUSIVO ao curso de Liderança Remota. Não perde!!! 

Witseed

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Veja mais conteúdos

Peter Diamandis descreveu brilhantemente em 6 etapas como setores sofrem uma mudança Exponencial. Nesse artigo, traçamos
Metas para o ano que vem? Tendências que irão impactar a Educação Corporativa? Quem melhor que
Por Gabriela Cardoso / Gerente de Conteúdo da Witseed Não leve uma plataforma LMS para a